Ação sindical e solidariedade em tempos de pandemia

No fim de março deste ano, a pandemia da Covid-19 começava a assolar o Brasil com extrema rapidez. Em 30 dias, o país já contabilizava quase 5 mil casos, e 165 mortes, e em São João del-Rei, o boletim apontava a primeira confirmação. Nesse momento, órgãos públicos e privados em todos os estados e municípios encampavam o início do isolamento social e buscavam mecanismos para conter os impactos dessa grave crise sanitária.

Comitê de Crise

Foi diante desse quadro e ciente de seu papel social enquanto entidade sindical, que o Sindicato dos Servidores da Universidade Federal de São João del-Rei (Sinds UFSJ), criou um Comitê Temporário Gestor de Crise e iniciou um movimento para fomentar mecanismos de ação social frente aos impactos do coronavírus.

“O comitê foi criado logo no início da pandemia, na primeira semana de paralisação das atividades acadêmicas, onde nós percebemos que o problema tinha chegado de fato ao Brasil e que afetaria de uma forma muito forte a vida acadêmica e a universidade” pontua Michel Montandon, Técnico Administrativo da UFSJ e sindicalizado responsável pela Coordenação do Comitê de Crise do Sinds UFSJ. Montandon explicou que, num primeiro momento, o grupo se organizou informalmente via whatsapp, após, foi realizada uma apresentação da proposta aos sindicalizados, com o objetivo de captar colaboradores e formalizar de fato o movimento.

Campanha Solidária

Segundo Michel, logo no início, apareceram diversas demandas de cestas básicas, equipamentos de proteção (EPI’s), entre outras necessidades, e assim, surgiu a proposta de criação de um fundo solidário que seria mantido através da doação dos sindicalizados da entidade.

“Uma das maneiras que a gente pensou como uma forma de levantar uma verba, foi solicitando uma doação voluntária e temporária de 0,5% do salário dos servidores. Fizemos uma campanha e conseguimos a adesão de 146 sindicalizados, cerca de 20% de nossa base” destacou o coordenador.

 

 

Edital de fomento

Lançada a campanha, o Comitê deu o próximo passo e publicou um edital de financiamento, para possibilitar o auxílio financeiro a projetos e ações sociais solidárias, formulados por servidores sindicalizados e destinados a minimizar os impactos do coronavírus nas cidades em que a UFSJ atua. Os contemplados serão beneficiados por 3 meses, prazo estipulado para a doação voluntária dos servidores.

Michel também ponderou, que o mecanismo utilizado foi o mais abrangente “A importância de se criar o edital, foi para não centralizar essa verba nas mãos do grupo e para que pudéssemos pulverizar esse recurso em ações diretas, nos chãos das ruas mesmo, e foi o que aconteceu” explicou.

Projetos Contemplados

Após o processo de inscrição e seleção, dez projetos foram contemplados abrangendo quatro cidades: São João del -Rei, Barroso, Divinópolis e Conselheiro Lafaiete. Cada projeto recebe o valor de R$ 400,00 mensais, durante os 3 meses da campanha. O coordenador destaca que todas as ações propostas foram efetivadas com êxito “Todos que foram premiados com esses R$ 400, 00 reais por mês estão prestando contas, enviando as informações e executando ações diretas” afirmou.

Montandon também ressaltou a diversidade e multiplicidade de abrangência de beneficiados. “São ações com diferentes públicos: economia solidária, plantadores de orgânicos, catadores de recicláveis, população rua, entidade de menores, entre outros. É uma gama muito grande de atuação” ressalta. Ele também revela que o Comitê de Crise vem trabalhando para angariar mais recursos e lançar novos editais, dessa forma conseguirão beneficiar mais pessoas.

Além do edital, uma parceria com a professora Telma Freitas, que também é membro do Comitê do Sinds, possibilitou a oferta de um Curso de Step voltado a egressos e discentes do curso de Educação Física. Com vaga para 20 inscritos, a ação pediu a contribuição de uma cesta básica para cada aluno, como inscrição voluntária. As doações foram revertidas para o fundo solidário e repassadas a famílias em situação de vulnerabilidade.

Telma destacou que o curso “É uma oportunidade, diante da escassez de cursos de step, e também uma forma de contribuir e ajudar para que as pessoas continuem tendo formação durante a pandemia, enquanto mantiver esse estado em que a gente se encontra” pontua a professora.

Ciclo de Debates

Para além das ações solidárias, o Sindicato dos Servidores da UFSJ junto da Seção Sindical dos Docentes da UFSJ (ADUFSJ), estão realizando semanalmente uma série de transmissões ao vivo, com a participação de diferentes fontes e autoridades para debater temas ligados a crise sanitária e política que estamos vivendo. “A gente vem produzindo as transmissões ao vivo junto da ADUFSJ e tem sido bem interessante. É um lugar da gente refletir, discutir e planejar o futuro diante dessa pandemia” concluiu o coordenador.

Balanço das ações

Em números, são 146 sindicalizados contribuindo com a campanha. Uma adesão de 20% da base da entidade. Até o momento, 10 projetos foram contemplados e beneficiaram diversas pessoas e instituições. Além dos contemplados pelo edital, foi possível contribuir com um aporte financeiro as ações realizadas pela ONG Nova Geração Brasil e o Fórum de Mulheres das Vertentes. Também foram adquiridas cestas básicas que foram doadas a famílias em situação de vulnerabilidade. Para conhecer cada projeto, a execução, prestação de contas e os beneficiados acesse o relatório de balanço das ações em https://www.sindsufsj.org/acoes-sociais.

Conheça e acompanhe todas as ações sociais e solidárias que já foram executadas pelo Edital 01/2020 de financiamento  do Sinds UFSJ.Clique no PDF ao lado para acessar!  

Sindicato dos Servidores da UFSJ

Praça Frei Orlando, nº170, Centro

São João del-Rei (MG) 36307-352

Tel (32) 33721047 - (32) 33721047

  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle
  • YouTube - Círculo Branco