SINDS-UFSJ vai às ruas dizer não a reforma da Previdência


Ato contra a reforma da Previdência

Na última sexta-feira, 22, Dia Nacional de Lutas, Protestos e Paralisações contra a Reforma da Previdência, o SINDS-UFSJ promoveu uma programação com bate-papo e ato de mobilização nas ruas, em São João del-Rei. O evento buscou conscientizar a população sobre os impactos da Reforma da Previdência para toda a classe trabalhadora.


A mobilização aconteceu no centro da cidade, em parceria com a Seção Sindical dos Docentes da UFSJ, Sindicato dos Metalúrgicos de SJDR e Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação de Minas Gerais. No local, representantes e líderes sindicais alertaram a população sobre a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 06/2019, da reforma da Previdência de Jair Bolsonaro (PSL), e as consequências caso aprovada pelo Congresso Nacional. Em Sete Lagoas, servidorores se reuniram para confecção de cartazes e panfletagem no campus.


"Afirmamos que nós não teremos medo. Nós vamos paralisar, nós vamos para a greve geral se for preciso. Essa reforma é o que há de pior", declarou a coordenadora geral do SINDS-UFSJ, Ermita Rodrigues, em seu pronunciamento no ato.


Em todo país, protestos e mobilizações promovidas por centrais, movimentos sociais e entidades sindicais inciaram enfrentamento contra a reforma e o fim das aposentadorias. A data marcou resistência e mobilizou centenas de trabalhadores e trabalhadoras rumo à greve geral.


Veja a cobertura completa aqui.




Assessoria de Comunicação SINDS-UFSJ

25/03/2019


Sindicato dos Servidores da UFSJ

Praça Frei Orlando, nº170, Centro

São João del-Rei (MG) 36307-352

Tel (32) 33721047 - (32) 33721047

  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle
  • YouTube - Círculo Branco