PARTICIPAÇÃO DE SERVIDORES TÉCNICO-ADMINISTRATIVOS EM REUNIÃO DA CONGREGAÇÃO DA UFSJ

 

Os servidores Técnico-Administrativos (TAEs) Agostinho, Carvalho e Joana participaram, dia 26/06/2014, de reunião da Congregação da UFSJ, realizada no Campus Dom Bosco.

 

A Congregação é um órgão colegiado da Instituição, presidido pelo Pró-Reitor de Ensino de Graduação (atualmente Prof. Marcelo), sendo composta por Coordenadores de Curso e Chefes de Departamento.

 

O objetivo da participação dos TAEs foi apresentar a preocupação de muitos dos servidores, lotados em coordenadorias e departamentos, principalmente os em estágio probatório, que durante o período de greve se mostraram temerosos quanto à avaliação de desempenho.  Carvalho ressaltou o direito de greve e o que decorre dele. Na oportunidade, também informou aos presentes sobre questões relativas ao movimento grevista da categoria, suspenso desde o dia 23/06/2014, com destaque para a decisão do agravo de instrumento que determina ao Governo abrir negociação com as entidades, sob pena de suspensão da liminar, caso o mesmo não o faça. Também destacou a proibição do corte dos dias parados, bem como a anotação dos mesmos como faltas injustificadas. Ainda esclareceu que, por direito constitucional e decisão do STF a participação em movimento grevista da categoria não pode afetar a avaliação do servidor, quer em estágio probatório ou não. Citou ter havido comentários de chefias sobre isto, no intuito de desmotivar a participação na greve. O Pró-Reitor de Ensino, Prof. Marcelo, chamou atenção para o fato de, além se ser direito do servidor técnico-administrativo, professores também fazem greve e seria incoerente qualquer retaliação aos servidores TAEs em virtude de participação em greve.